Eureka!

Eureka!

Oi pessoas grandes!
Tudo bem com vocês?
Voltei para algumas atualizações, já que estou sem tempo para postar aqui. Sabe como é, né? Vida atribulada com parquinhos, natação, brincadeiras, papinha, namor…ops! Ai minha boca! De vez em quando ela fala tantas coisas que não devia…
Enfim!
Uma das novidades, pessoALL, é que eu já estou quase conseguindo me expressar através desse idioma de vocês, já que vocês insistem em não entender minha língua.
Minha mamãe fica repetindo um monte de palavras mas teve uma que eu achei tão bonitinha, tão bonitinha que eu fiz questão de repetir pra ela. Olha só:

Aí eu descobri que essa palavra é a mesma coisa que eu! Engraçado, me chamam de tanta coisa que eu acho que meu nome não coube no papel que registra que eu nasci e existo.
Parece que meu nome é Maria Eduarda Princesa Neném Linda Fofinha Figurinha Dudinha Bebê Titia da Vovó. Eita nome comprido.

Outra coisa: vocês nem comentaram de meu texto anterior, né? Não gostaram do que eu escrevi? Se vocês insistirem em NÃO comentar, eu vou abandonar esse blog! Humpf!

Agora deixe eu ir que já começou a novela.
E por falar nisso, alguém pode me explicar que novela doida é essa? Como pode ser Amor à Vida se só tem maldade? Eita povo doido!
Meu tio Lau falou que esse tal de Félix viu Aldo. Quem é Aldo, gente? Félix viu Aldo…e daí?
Eu, hein…

Beijo em todos,

Dudinha.

Geração saúde

Hello big people,
(em breve vou falar americano, vocês vão ver!)

Não poderia deixar de colocar aqui no blog minhas novidades. Todo dia tem uma, pessoal. Incrível isso!
Então, hoje eu comi uma coisa diferente. Sim, sim…outro dia aquela moça velhinha me deu uma mamadeira sólida. Ela chamou de bananinha. Muito gostoso.
Mas hoje eu comi outra mamadeira sólida diferente: uma perinha. Foi assim que a moça do cabelão preto chamou. Eu adorei, né? Queria mais…mas depois eu pensei: “hummm, não posso comer muito senão não vou ter disposição para a minha atividade da tarde”. Olhem aí eu comendo a perinha:

pera

Pois eh, big people.
Mas a novidade maior vem agora.
Lembra que eu falei que estava treinando “MMA”? Decidi que entraria de vez para a geração saúde, título desse post. Então conversei com a moça do cabelão preto e combinamos dela me levar para treinar para as competições de IRON BABY! U-huuuu. Isso aê! Eu agora sou tri-atleta, big fat old people!

E nada melhor começar os meus treinamentos em um lugar que eu estava doida pra conhecer: O MAR!
Sim, pessoal, eu finalmente conheci o mar! Que coisa linda! Que água limpa! Parece a minha banheira só que cabe um monte de pessoas grandes e alguns do meu tamanho! Eu fiquei maravilhada!
O treinamento foi pesado. Já comecei me adequando ao ritmo da maré mas o mar estava calmo, não havia muitas ondas. Isso eu estranhei, já que toda vez que eu vejo o mar na janela de imagens aparecem as ondas.

Enfim, pedi pra assessoria de imprensa providenciar umas fotos para colocar aqui no blog para vocês acompanharem o meu desenvolvimento! Espero que gostem!
Em novembro eu já participo de 2 competições: Circuito Baby Estações e Baby Night Run.

Yeah! No pain, no gain!

Beijo da Dudinha. Tchau.